Copa do Mundo 2014 – Alemanha utiliza iniciativa privada, já o Brasil…

Da série Iniciativa Privada x Intervencionismo

corrupçãonaCopa

Os jogos da Seleção de Futebol da Alemanha na fase de grupos da Copa do Mundo 2014, no Brasil, ocorrerão no Nordeste, nas cidades de Salvador (BA), Fortaleza (CE) e Recife (PE).

Porém, por não encontrar um hotel que tivesse o luxo necessário aliado à estrutura para treinamentos, a Alemanha resolveu “empreender no setor imobiliário brasileiro”. Será construído um centro de treinamento e hotel no sul da Bahia, a 30 km de Porto Seguro, para receber a seleção alemã. Mas fique tranqüilo, pois tudo será pago pela iniciativa privada alemã.

Você leu certo! A iniciativa privada alemã, através de empresas do país europeu, financiará toda a estrutura necessária para acomodar a seleção de futebol da Alemanha, no Brasil, em 2014, durante a participação na Copa do Mundo de Futebol da FIFA.

Serão construídas treze casas para acolher a delegação e um centro de treinamento com toda a estrutura necessária, tudo com dinheiro de empresas privadas alemãs. O terreno será cercado para garantir a tranqüilidade, concentração e segurança dos alemães.

O empreendimento será chamado de “Camp Bahia” e após a participação da seleção de futebol na Copa do Mundo, será transformado em um resort para receber turistas (nacionais e estrangeiros). Ou seja, a iniciativa privada alemã enxergou uma ótima oportunidade de investir em solo brasileiro, beneficiando a seleção de futebol de seu país (o que garante retorno positivo à imagem das empresas em questão) e ainda lucrar no longo prazo.

As empresas não investirão porque são “boazinhas”, mas por causa da ótima oportunidade de agregar publicidade positiva à própria imagem e lucrar com o futuro resort. Nenhum centavo sairá dos bolsos dos pagadores de impostos alemães (nem dos nossos).

Enquanto isso, o Governo brasileiro torra bilhões do nosso dinheiro através do BNDES e investimentos diretos para a construção e/ou ampliação de estádios, aeroportos, sistema hoteleiro, turismo, cursos de idiomas para prostitutas, etc. São aproximadamente R$28 bilhões gastos. E o Ministro dos Esportes, Aldo Rebelo (PCdoB), diz que o dinheiro é do BNDES e não sairá do bolso do contribuinte. Ora, Aldo, então o BNDES fabrica o próprio dinheiro? Não? Então ele é bancado com o nosso dinheiro, logo… A desonestidade intelectual é gritante.

Enquanto as empresas alemãs construirão um empreendimento que abrigará a seleção de futebol de seu país e retornará lucros através da exploração como resort (pós-Copa), gerando empregos e renda em pleno Nordeste, o Governo Federal, em parceria com Estados e Municípios, construirá estádios no meio do Amazonas, para depois da copa deixar por lá, sem serventia, sem gerar empregos, renda, absolutamente nada além de prejuízo com manutenção.

O campeonato amazonense mal encheria do Estádio do Juventus/SP (o Moleque Travesso), na Rua Javari, na Mooca, quem dirá um elefante branco como a Arena Amazônia, em Manaus. Alguns dirão: “mas pode receber shows e outros eventos?”. Ah é? E quantas pessoas irão a esses eventos no Amazonas, mesmo que seja em Manaus, se deslocando centenas (ou milhares) de quilômetros? Que tal a Arena Pantanal? Quantas pessoas irão para o meio do Pantanal se entocar em um Estádio público assistir um show?

É dever do Estado construir estádios no meio do nada para não excluir os cidadãos desses locais do acesso a tal “serviço”? Não! A lógica é simples, se a iniciativa privada fosse a responsável, obviamente os Estádios seriam construídos e/ou ampliados em cidades com mais habitantes e/ou renda per capta maior, por uma questão de mercado. Se durante a Copa do Mundo da FIFA, as pessoas que moram no Pantanal e no Amazonas teriam que se deslocar muito para assistir aos jogos, por outro lado, após a Copa do Mundo da FIFA, os empreendimentos continuariam gerando lucros, pagando os próprios custos e o dinheiro do contribuinte não seria torrado com a manutenção de obras faraônicas no meio do nada.

Notemos também que o empreendimento alemão será construído há poucos meses para a Copa do Mundo. Enquanto os Estádios estão há mais de três anos “sendo terminados”. Enquanto ao Governo compensa arrastar as obras para entregar perto das eleições e facilitar o superfaturamento e a corrupção. Para a iniciativa privada interessa terminar o quantos antes e com custos baixos e a melhor qualidade possível.

Assistir às partidas de futebol profissional nos estádios não são não é um “direito do cidadão e dever do Estado proporcionar”, mas um produtos/serviço prestado e pelo qual deve haver pagamento. Se não pagarmos diretamente, para a iniciativa privada, melhor e mais barata, pagamos duas vezes, uma para o Estado construir os Estádios e outra para freqüentá-los, enquanto definharão aos nossos olhos.

Por Roberto Lacerda Barricelli

Fontes:

Esporte Interativo – http://br.esporteinterativo.yahoo.com/noticias/alemanha-ter%C3%A1-pr%C3%B3prio-ct-copa-brasil-130600361–spt.html

Estadão / Esportes – http://www.estadao.com.br/noticias/esportes,justica-do-trabalho-interdita-obras-da-arena-amazonia,1108928,0.htm

Estadão / Esportes – http://www.estadao.com.br/noticias/esportes,custo-dos-quatro-estadios-publicos-da-copa-do-mundo-sobe-r-692-milhoes,1100449,0.htm

Portal do Governo Federal – http://www.brasil.gov.br/economia-e-emprego/2013/06/estimativas-de-investimentos-geracao-de-empregos-e-renda-durante-a-preparacao-do-pais-para-a-copa-do-mundo-da-fifa-brasil-2014

Portal oficial da Copa do Mundo de Futebol FIFA 2014 – http://www.copa2014.gov.br/pt-br/noticia/governo-federal-detalha-os-investimentos-feitos-no-pais-para-a-copa

Anúncios

5 Comentários

Arquivado em Uncategorized

5 Respostas para “Copa do Mundo 2014 – Alemanha utiliza iniciativa privada, já o Brasil…

  1. Só uma correção, o termo certo é pagador de impostos, porque a tributação não é voluntária e eu não tô vendo retorno nenhum que esses políticos de m****a tanto prometem.

    Pelo contrário, vejo um monte de obra eleitoreira superfaturada.

    Não existem contribuintes dentre as pessoas que pagam impostos.

  2. Andre

    O site http://www.calendario.com.br traz todos os calendários das cidades sede. Tem todas as informações de jogos (jogo, data, horário) da copa, separado por cidade.
    Além disso, tem os calendários de todas as cidades do Brasil com seus feriados. Confiram!

  3. Uma pena. Precisam os gringos vir aqui e nos ensinar como fazer uma coisa bem feita. Mas, como somos governados por corruptos em todas as esferas políticas, pagamos o pato e a conta. Parabéns pelo blog, muito interessante. Abraços

  4. Petter

    Excelente artigo, mais uma vez.
    Estava pesquisando sobre a iniciativa que os países que participaram da Copa do Mundo tiveram para receber suas seleções no Brasil, com isso me deparei com esse seu trabalho e tudo que li me chamou a atenção.
    Já li praticamente todos os artigos e teu ponto de vista é simplesmente verossímil com a realidade do país.
    Sempre que possível continue escrevendo…

    See ya…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s